Sua pele pode ouvir sons

capa_pele

Houve uma série de experimentos e constatou que: a pele pode ouvir.

Estudos mostram que nosso cérebro interagem com as informações de diversas formas e assim criando um cenário em nossa mente.

Segundo os estudos em que Bryan Gick, da Universidade de British Columbia, no Canadá e outros cientistas afirmam que pesquisas anteriores e mostram que nossa pele além de absorver as informações de diversas formas inconscientemente explicam que estas proezas sensitivas como o resultado da experiência, já que vemos e escutamos as pessoas o tempo todo, então é natural que nosso corpo integre essas experiências.

Outra explicação seria que estas são habilidades inatas: assim, Gick e Donal Derrick, da mesma Universidade, estudaram dois sentidos que não são geralmente ligados – o auditivo e o tátil, para perceber as rotas tomadas pela percepção humana.

  • Mas como a pele escuta?

A equipe de cientista se concentrou em sons aspirados, como “pa” e “ta” e sons “da” e “ba”, que não são aspirados.

Foram três grupos de 22 participante, que vendados escutaram a gravações de uma voz masculina dizendo cada uma dessas quatro sílabas e tinham que pressionar um botão para indicar qual dos sons elas escutavam.

Um grupo escutando as sílabas enquanto uma onda de ar batia na mão, o outro, no pescoço, e um grupo de controle escutava os sons normalmente.

Cerca de 10% das vezes em que o ar batia na pele, os participantes erravam as sílabas não aspiradas com as aspiradas. O grupo de controle não mostrou este tipo de erro. Um outro experimento, em que os participantes recebiam uma leve palmada na pele, não mostrou nenhum resultado de confusão entre as sílabas.

Fonte: Live Science

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.