Por que não lembramos de quando éramos bebês?

bebe

É consenso entre os especialistas que os primeiros anos de vida são fundamentais na formação de cada indivíduo, mas apesar da importância que eles têm, não é possível lembrar do que vivemos antes de completar 30 meses, ou dois anos e meio de idade. Ainda que as experiências vividas na primeira infância possam resultar em traumas ou em associações afetivas que duram pelo resto da vida, ninguém é capaz de identificar lembranças de quando era bebê.

De acordo com André Frazão, coordenador do laboratório de cognição do Instituto de Biociências da USP, existem diversas causas para o esquecimento dos primeiros anos. O fenômeno chamado de amnésia infantil se deve, principalmente, às constantes mudanças estruturais que ocorrem no cérebro das crianças. Nos primeiros anos de vida, o sistema nervoso central ainda não está totalmente desenvolvido. “Nascemos com um encéfalo que tem cerca da metade do tamanho que terá no adulto, isso significa que a estrutura vai mudar, vão aparecer novas células e novas conexões neuronais”, diz Frazão.

Mas o encéfalo ainda pouco desenvolvido não significa que os conhecimentos a respeito do mundo não sejam registrados, apenas que eles são arquivados de outra forma, em outro contexto e com outras referências, transformando-se em uma informação que não podemos mais acessar quando adquirimos a linguagem e interpretamos o mundo com outros métodos. Mas as memórias dos primeiros meses continuam nos influenciando inconscientemente na vida adulta. “Por exemplo, o dia que a sua mãe lhe deu um cachorro com um ano de idade e você amou: aquele evento você não consegue identificar, mas as consequências afetivas de criar um vínculo com o cachorro são importantes nos próximos vínculos que você cria na vida”, explica o especialista.

Frazão ainda ressalta que a amnésia infantil se refere à memória declarativa, a memória que utilizamos para relatar eventos ou para “reviver” situações. Mas aprendizados como andar e falar são outro tipo de memória, que não se perde com a idade. E mesmo eventos não identificáveis pontualmente transformam a criança, já que “a construção da vida é uma linha”, na qual os primeiros acontecimentos têm relação com os posteriores, diz o pesquisador.

11 Respostas

  1. igor disse:

    first a dexa um komentario…uhuuuu

  2. Fabio disse:

    grande merda

  3. OU ESSE SITE´E UM LIXO disse:

    MANO VCS TEM Q COLOCAR O RESUMO NAO UM TEXTOOOOOOOOOO! QUEM GOSTA DE LER UM TEXTO SE PODE JA ENTENDER TD EM POUCAS PALAVRAS?

  4. joão paulo disse:

    Interessante não sabia gostei da curiosidade, valeu………….

  5. Pablo disse:

    Concordo em partes com a informação acima..

    No entanto observo que o que se diz respeito ao que não esquecemos
    tal como andar, falar, amar, odiar, enfim sentimentos e ações ficam em nossa memória
    ( se é que podemos dizer assim ) devido a necessidade e prática constante das ações.
    por exemplo, vc não ganha um cachorrinho todo dia, por tanto é óbvio que ira esquecer
    do momento em que ganhou.. mas em contra partida.. voce pratica o amor afeto carinho, e esses sentimentos tal como as ações são praticadas dia após dia.
    Se analizár-mos os acontecimentos até mesmo rescentes são esquecidos
    e armazenados em alguma parte do Cérebro, e que somentes induzidos mesmo que seja sem motivo algum lembraremos. Por isso acredito que o Cerébro tem seus limites,
    e devido tantas informações, temos armazendados memórias anteriores, para dar espaço para memórias e aprendizados novos, uma espécie de bckup cerebral. a propósito nós não nos lembramos de nada até os 30 meses é pq estamos neste período em faze de aprendizado, nós quando nascemos não sabemos que a cor azul é azul e que camisa é camisa, por isso não se é possível lembrar da camisa que está usando em sua foto de 02 anos e assim sucessivamente.
    Mas isso é só uma opinião de um leigo no assunto, mesmo pq não sou formado em nada e muito menos em neurologia.

  6. lia disse:

    e se a pessoa lembrar e normal
    poois tenho 19 anos e lembro de muita coisa de quuando tinha 2 anos

  7. Moniq disse:

    Pois é, digo o mesmo.
    Eu lembro perfeitametne dos fatos de quando eu ainda estava no berço acreditem se quiser…
    Mas será quei isso é normal?

  8. DinhoGja disse:

    Ah eh, agora já to vendo, vão aparecer um monte de super Bebes aqui, pode ter certeza, todos dizendo, “ah eu lembro disso e daquilo” ahh sai fora seu bando de mentiroso ! Vc devia ter 3, 4 anos e acha que tinha 2, cai na real….

  9. Existe algumas lembranças,acredito eu,que eu ainda não tinha dois anos

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.