Atentado 11 De Setembro – PARTE 1

img1

10 Anos Do Atentado De 11 De Setembro Ao World Trade Center, N.Y.

As Teorias De Conspiração

O VocêSabia estará publicando, a partir de hoje, uma série de 6 artigos a respeito do atentado às Torres Gêmeas do World Trade Center, em Nova Iorque, no dia 11 de setembro de 2001, enfocando as teorias de conspiração que ainda circulam na Internet.

 

Do que se trata

Teoria de conspiração é uma expressão que significa qualquer teoria que explica um determinado evento como resultado de um plano secreto levado a efeito por conspiradores maquiavélicos e poderosos, tais como sociedades secretas ou governos paralelos. As teorias de conspiração são muitas vezes vistas com desconfiança e por vezes levadas ao ridículo, uma vez que quase nunca são apoiadas por fatos concretos.  Por isso, a expressão é muitas vezes usada de maneira irônica, tentando definir tais crenças como bizarras e falsas, cujos adeptos são pessoas excêntricas ou um bando de malucos.

No caso do atentado contra as Torres Gêmeas, em Nova Iorque, no dia 11 de setembro de 2001, de modo geral, as teorias se concentram em supostas “perguntas não respondidas” sobre o incidente e sugerem que o governo americano pode ter planejado os ataques, juntamente com o exército.

O Vocè Sabia abordará, nessa série de artigos, as 5 teorias conspiratórias mais comentadas que ainda hoje circulam em comunidades online.

DÚVIDA Nº 1: falha na interceptação dos aviões sequestrados:

 

PERGUNTA: por que a Força Aérea dos Estados Unidos, a mais poderosa do mundo, não conseguiu interceptar nenhum dos quatro aviões sequestrados?

 

  • Os teóricos da conspiração respondem: o vice-presidente dos Estados Unidos na época, Dick Cheney, deu ordens para que a Força Aérea não interceptasse os aviões.

 

  • As autoridades respondem: aquele foi um sequestro múltiplo incomum, com violência a bordo e no qual o transponder (um equipamento que transmite a localização exata do avião) foi desligado ou alterado pelos sequestradores. Também estava acontecendo, na ocasião, um exercício de rotina do comando da defesa aérea americana e houve confusão e falta de comunicação entre o controle de tráfego aéreo civil e a Força Aérea. O equipamento do Exército também estava obsoleto.

 

OUTRA TEORIA: O presidente George W. Bush sabia antecipadamente dos ataques. Sabia e não fez nada. A administração Bush precisava lançar os Estados Unidos numa nova guerra para beneficiar um certo Carlyle Group, firma de investimento baseada em Washington. George Bush pai, é um dos conselheiros da empresa, que também conta com vários ex-militares linha dura na mesa diretiva. O Carlyle Group teria investido muita grana na indústria bélica e uma nova guerra era tudo que eles precisavam para turbinar os lucros.

 

Na próxima edição: Atentado 11 De Setembro – PARTE 2.

4 Respostas

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.