Cientistas descobriram como os recém-nascidos nos enxergam

post-17

Quando se inclinam perto do berço e sorriem para seu recém-nascido, a maioria dos pais não têm conhecimento de que seu filho não reconhece a emoção refletida em seus rostos. Cientistas do Instituto de Psicologia da Universidade de Oslo (Noruega) e da Universidade de Uppsala (Suécia), fizeram testes em crianças de dois a três dias idade para descobrir o quão boa é a visão deles.

Eles descobriram que a distância máxima em que um recém-nascido pode reconhecer se uma pessoa se aproxima dele com raiva ou felicidade é de 30,48 cm. Se a distância aumentar para 60 cm, a imagem fica tão turva para o bebê que ele ou ela não pode nem mesmo reconhecer o rosto.

Para obter estes resultados, os pesquisadores usaram os registros nos rostos de vídeo cujas expressões mudavam constantemente. Inicialmente, os vídeos foram mostrados aos adultos para se certificar de que as emoções refletidas no vídeo eram facilmente identificáveis.

Assim-um-recém-nascido-nos-vê-de-diferentes-distâncias

Em seguida, eles apresentaram os mesmos registros de vídeo aos recém-nascidos e identificaram se eles podiam ou não ver as imagens claramente. Normalmente, as crianças reagiram aleatoriamente a imagens que eram mostradas a mais de 30 cm de distância, enquanto mudavam de expressão conforme o rosto quando este estava a menos de 30 cm.

Segundo o professor Svein Magnussen, recém-nascidos são capazes de imitar os adultos desde os primeiros dias de vida, mas isso não significa que eles entendem o que significa essa expressão.

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.