Curiosidades sobre Ayrton Senna

sennnnnna

Saiba algumas curiosidades sobre o tricampeão de Fórmula 1 e um dos maiores nomes do esporte brasileiro.

O apelido de Ayrton Senna na infância era Béco.

Ayrton começou a usar as cores do Brasil no seu capacete em 1978, quando foi disputar o Campeonato Mundial de Kart, na Europa. As regras da competição exigiam que os capacetes tivessem as cores do país de origem do participante.

 

Em 1983, Senna correu uma prova inteira de Fórmula 3 na Inglaterra com o carro sem freios. Os mecânicos, a princípio, não acreditaram, mas ao verificar as pastilhas viram que elas estavam geladas.

Na sua estreia na Fórmula 1, no ano de 1984, pilotando a Toleman, Senna ficou em segundo lugar no GP de Mônaco, atrás do francês Alain Prost, da McLaren. Chegou a ultrapassar Prost, mas o diretor da prova Jacky Ickx  alegou que a havia interrompido antes por causa das fortes chuvas.

Um susto em 5 de novembro de 1984, Senna, recém-contratado pela Lotus, acordou com o lado direito do rosto totalmente paralisado. Estava na Inglaterra. A primeira sensação foi a de um derrame. Mas tudo não passou de uma paralisia facial. Senna fez massagens e usou uma medicação à base de cortisona. Teve uma recaída ao dormir num hotel carioca com o ar condicionado ligado. O piloto só se recuperou totalmente em fevereiro de 1985.

Senna estava na pole-position e precisava do primeiro lugar no GP do Japão para conquistar o título de 1988. Mas, logo na largada, ele confundiu as marchas e caiu para 16º lugar. Começou, então, a maior atuação do piloto na F1. Debaixo de chuva e num ritmo alucinante, Senna foi ultrapassando seus adversários. Até deixar o principal concorrente, Alain Prost, para trás. Era a vitória, o título e a consagração de um novo mito.

 

Senna quase correu na Fórmula Indy. No final de 1992, sem renovar com a McLaren e sem acertar com a Williams, o piloto viajou em Emerson Fittipaldi até Phoenix, no Arizona. Andou num circuito misto, com um Penske. Depois, no entanto, assinou com a McLaren e continuou na Fórmula 1.

 

Ayrton Senna dizia que falava com Deus quando fazia a curva Eau Rouge, no circuito de Spa-Francorchamps, na Bélgica.

Em março de 1995, o capacete que Ayrton Senna usou ao conquistar seu primeiro título de Fórmula 1 (1988) foi a leilão. O lance vencedor foi de 45 mil dólares e o capacete tinha os autógrafos de Senna e Xuxa.

 

 

 

No momento de choque durante o acidente que tirou a vida de Senna, os comissários de prova do circuito de Ímola descobriram uma bandeira da Áustria no interior do carro destruído do piloto brasileiro. Era uma homenagem a Roland Ratzenberger, que morreu um dia antes, nos treinos para o GP de San Marino.

Com problemas de câmbio e só com a sexta marcha nas últimas sete voltas, Ayrton Senna conseguiu sua primeira vitória em um GP do Brasil em Interlagos em 1991. Após a chegada, o choro do tricampeão era um misto de alegria e muita dor, pelo esforço de guiar o carro com apenas uma marcha. Confira a última volta da corrida:

9 Respostas

  1. eustaquio disse:

    este e uns dos grande brasileiros apesar de termos 80 por cento nao valerem nada ..-+ POLITICOS E AUTARQUIAS

  2. Edel disse:

    O VERDADEIRO HERÓI NACIONAL,DEIXOU SAUDADES VALEU AYRTON

  3. pedro disse:

    ae ayrton melhor piloto conhecido ate agora!

  4. Maertinho da Vila Crespo disse:

    Valeeuuu, Ayrton IMORTAL!!! A quase 20 anos da tua partida desse mundo, eu ainda me orgulho de ser testemunha da tua glória nas pistas. Teu bone azul e tua camiseta branca e vermelha sempre vão me acompanhar a cada hora. Você é o cara, SENNA!!!

  5. Rodrigo bianchini disse:

    Senna nunca te esqueceremos, não só do piloto senna, mas como o ser humano fantastico q até hj me motiva com suas frases e depoimentos.

  6. Leandro Neto disse:

    Este era mestre doutor em pilotagem nunca havera ninguem em pilotagem como AYRTON SENNA!!! SAUDADE !!!

  7. cauanu disse:

    muito bom!!!!!

    estou na escola fazendo trabalhos!!!!!

    saudades do senna

    eu tgenho 10 anos

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.