O japonês que sobreviveu a duas bombas atômicas

capa_homembombajapao

Na segunda Guerra Mundial, um japonês teve uma sorte incrível. Na realidade, este fato aconteceu duas vezes num prazo de três dias.

Em 06 de agosto de 1945 ele escapou da morte enquanto 100 mil pessoas tiveram um destino trágico. No dia 09 de agosto, outra sorte: outra bomba e  novamente sobrevive, enquanto cerca de 70 mil pessoas morreram. Este homem resistiu aos ataques por bomba em Hiroshima e Nagasaki.

O primeiro ataque aconteceu em Hiroshima. No dia 6 de agosto estava saindo da cidade quando percebeu que havia esquecido um objeto em seu escritório.

Voltou e quando estava retornando para a estação de metrô às 8h15 a bomba Little Boy caiu a 3 km dali. Ele ficou com uma parte do corpo queimada, mas sobreviveu.

Passou a noite em um abrigo para que no dia seguinte seguisse para Nagasaki, cidade em que morava realmente e onde pretendia se recuperar melhor. No dia seguinte, quando chegou à cidade, logo começou o tratamento da sua queimadura. Somente dois dias depois do ataque, dia 09 de agosto, ele resolveu voltar ao seu trabalho.

Exatamente às 11h, pouco depois de retornar à fábrica, estava contando ao seu supervisor o drama que havia passado em Hiroshima. De repente, novamente a 3 km de distância a Fat Man, a outra bomba atômica explodiu

Dessa vez, o japonês não se feriu. Porém, um trauma psicológico o deixou com febre por muitos dias.

Há relatos que outras 164 pessoas sobreviveram aos dois ataques das bombas atômicas. Só que Tsutomu Yamaguchi é um dos mais conhecidos, devido ao documentário Niju Hibaku, que conta a sua história. Ele morreu em 2010, aos 93 anos de idade, vítima de câncer de estômago.

Fonte: Revista Super Interessante

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.