Sonhos: 7 Fatos Interessantes Sobre Eles

sonho

Sonhos são fenômenos misteriosos, que há milhares de anos intrigam os seres humanos. Mas, na medida em que os cientistas vão sendo capazes de explorar mais profundamente a nossa mente, algumas respostas estão sendo encontradas. Veja aqui 7 coisas que se sabem sobre o que se passa nesse estranho e fascinante país dos sonhos:

Sonhos têm significados

Será que quem sonha em ganhar na loteria ou em sofrer um acidente, deve se preparar para que essas coisas realmente aconteçam? Há quem diga que sim. As pessoas acreditam em seus sonhos e julgam aqueles que se encaixam em suas expectativas mais significativos do que os que vão contra essa corrente. Interpretações do significado dos sonhos variam muito. Mas as pesquisas mostram que as pessoas acreditam que seus sonhos fornecem informações significativas para si mesmas e para o seu dia a dia.

Pesadelos podem ser alertas sobre saúde

Como se já não bastasse os pesadelos serem aterrorizantes, um certo transtorno do sono leva as pessoas a “atuar” nos seus sonhos,  com movimentos violentos, chutes e gritos. Esses sonhos violentos podem ser um sinal de desordens do cérebro, incluindo o Mal de Parkinson e demência. Pesquisas sugerem que estágios iniciais dessas doenças neurodegenerativas podem começar muitos anos antes de alguém ser diagnosticado.

Dormir tarde = mais pesadelos

Pessoas que costumam dormir muito tarde estão mais sujeitas a ter pesadelos. Numa pesquisa, 264 estudantes universitários disseram quantas vezes tiveram pesadelos. Os que tinham o hábito de dormir tarde tiveram uma média bem mais alta do que aqueles que dormiam cedo.
Os pesquisadores não souberam explicar o que causava essa ligação entre hábitos de sono e pesadelos. Entre as possibilidades, está o hormônio do estresse, o cortisol, que atinge seu pico de manhã, pouco antes de uma pessoa acordar, um momento em que estamos mais propensos ao sono REM (*). Se a pessoa ainda estiver dormindo nesse momento, talvez o aumento do cortisol possa provocar pesadelos.

(*) O sono R.E.M., (em Inglês, Rapid Eye Movement = Movimento Rápido dos Olhos), é a fase do sono na qual ocorrem os sonhos mais vívidos. Durante esta fase, os olhos movem-se rapidamente e a atividade cerebral é similar àquela que se passa nas horas em que se está acordado.

Sonhos podem solucionar problemas

Parte da razão para sonharmos pode ser o pensamento crítico. Um estudo descobriu que os sonhos podem nos ajudar a resolver problemas que enfrentamos durante o dia. De acordo o estudo, é o aspecto visual, e muitas vezes ilógico, dos sonhos, que os tornam adequados para o tipo de pensamento que é necessário para resolver certos problemas. “Seja qual for o estado em que estamos de sono, nós ainda estamos trabalhando nos mesmos problemas”, afirmou um pesquisador, acrescentando que os sonhos podem ter evoluído para uma outra finalidade, mas é possível que tenham sido aperfeiçoados pelo tempo para várias tarefas, inclusive para ajudar a “reiniciar” o cérebro e resolver problemas.

Homens têm mais sonhos eróticos

Os homens são mais propensos do que as mulheres a sonhar com sexo. Aliás, as mulheres são mais propensas a ter pesadelos com sexo. Em um estudo com quase 200 homens e mulheres com idades entre 18 a 25 anos, descobriu-se que os pesadelos das mulheres podiam ser divididos em três tipos:

 

• Assustadores (ser perseguida ou ter a vida em perigo).
• Os que envolvem a morte de um ente querido.
• Sonhos confusos.

Se as mulheres têm que relatar o sonho mais importante que já tiveram, elas são mais propensas do que os homens a relatar um pesadelo muito perturbador. Elas relatam mais pesadelos e eles são mais fortes do que os dos homens. Isso não significa que as mulheres não se divertem em seus sonhos. Uma pesquisa revelou que, dos cerca de 3.500 relatos de sonhos, aproximadamente 8% continham algum tipo de atividade sexual. O mais comum envolvia penetração, seguido de proposições sexuais, beijos, fantasias e masturbação.

É possível controlar os sonhos

Está interessado em sonhos lúcidos? Comece a jogar videogame. As duas coisas representam realidades alternativas. É claro que não são completamente iguais; os videogames são controlados por computadores e consoles, enquanto os sonhos surgem da mente humana.
Os jogadores são usados para controlar seus ambientes de jogo, de modo que isso pode se traduzir em sonhos. Uma pesquisa mostrou que as pessoas que jogam videogame são mais propensas a ter sonhos lúcidos, nos quais se veem fora de seus corpos e também são capazes de interagir com os seus sonhos, como se controlassem um jogo. Esse controle pode ajudar a transformar um pesadelo horripilante num sonho tranquilo.

Sonhos ajudam a relaxar

Cientistas descobriram que, durante a fase de sonho do sono (o sono REM, mencionado anteriormente), há uma diminuição dos níveis de certas substâncias químicas no cérebro associadas ao estresse. Durante o sono REM há uma diminuição acentuada dos níveis de norepinefrina, um produto químico cerebral associado ao estresse. Ao reprocessar experiências emocionais anteriores – neste ambiente neuroquimicamente seguro de norepinefrina baixa durante o sono REM – acordamos no dia seguinte e essas experiências foram enfraquecidas em sua energia emocional. Sentimo-nos melhores a respeito delas, sentimos que podemos lidar com esses problemas.

7 Respostas

  1. brenno disse:

    achei muito legal parabens agora so vou dormi cedo

  2. Renan disse:

    Aeee, agora descobri por que eu consigo controlar meus sonhos…. sempre tive essa curiosidade :)

  3. Izamidine disse:

    Sao boas curiosidadx

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.