Regras para a declaração do Imposto de Renda 2011

Declaração-de-imposto-de-renda

A Receita Federal divulgou novas regras para a declaração do imposto de renda de 2011, relativo ao ano de 2010. Como já anunciado anteriormente, a partir da declaração de renda de 2011 não será mais possível fazer a declaração para a Receita através de formulários de papel, agora os únicos meios aceitos são as declarações feitas pela internet e também as declarações apresentados em disquete.

Outro anúncio da Receita Federal é que o limite para a isenção subiu, agora está obrigado a prestar a declaração do IRPF 2011 àqueles que obtiveram rendimentos tributáveis de mais de R$ 22.487,25 (vinte e dois mil, quatrocentos e oitenta e sete reais e vinte e cinco centavos) em 2010, em 2010 era obrigados a declarar aqueles que obtiveram rendimentos de mais de R$ 17.215,08 em 2009.

Junto com as novas regras para a declaração, a Receita também divulgou oficialmente a data para início e término do envio das declarações, de 1º de março de 2011 a 29 de abril de 2011. O programa de computador para a declaração do Imposto de Renda 2011 deverá ser baixado da internet, através do site oficial da Receita Federal do Brasil.

Como em todos os anos, a recomendação é não deixar a declaração do imposto de renda para ser feita em cima da hora. Agora que você já conhece as novas para a declaração do Imposto de Renda 2011, organize com calma a declaração do IRPF 2011 para não ter dores de cabeça no futuro.

One Response

  1. Eulane Moraes disse:

    Sempre declarei o IRPF, antes porque tinha uma firma individual, depois porque trabalhava numa empresa e tinha importo retido. No ano de 2009 fiquei sem trabalhar, mesmo assim fiz a declaração sem rendimentos, só declarando um bem que tinha na época. Desde 2010 trabalho numa empresa, mas o salário não atinge o valor mínimo para estar obrigada a declarar. Gostaria de saber se sou obrigada ou posso parar de fazer a declaração de importo de renda PF?

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.