Comer doce prejudica nosso dia a dia

capa_doces

Cientista afirma o que sempre escutamos de nossas mães e avós, PARA NÃO COMER DOCES, pois prejudica nossas habilidades e memória.

As pesquisas foram realizadas na Universidade da Califórnia, em Los Angeles (USA) que ao ingerir açúcar é prejudicado as ligações entre os neurônios e também as habilidades cognitivas, que ficam mais lentas.

Comprovado depois de que o médico Fernando Gomez-Pinilla, da UCLA (sigla da universidade), fez e refez os testes em ratos. O cientista separou os ratos em dois grupos: o primeiro recebeu melado de milho e ração, e o segundo, ração e óleo de linhaça.

Em justificativa o Fernando Gomez-Pinilla explica que fez uso do melado de milho por ele ser rico em frutose, açúcar presente em diferentes tipos de alimentos que consumimos o tempo todo em um grupo de ratos e noutro grupo óleo de linhaça pelo produto ser rico em ômega-3, especialmente ácido graxo DHA (ácido Docohexaenóico), o qual é essencial e não é produzido por nosso organismo.

Mas antes de iniciar a pesquisa os ratos foram treinados duas vezes por dia em um labirinto, durante cinco dias e o cientista avaliou quão bem os ratos poderiam percorrer o labirinto. Seis semanas depois, eles foram testados novamente, para verificar as habilidades cognitivas utilizadas para percorrer a rota do labirinto.

Resultado: o segundo grupo percorreu o labirinto muito mais rapidamente e os que receberam a frutose foram mais lentos e mostraram um declínio na atividade sináptica. Seus neurônios tiveram problemas na transmissão de mensagens e suas habilidades de pensar claramente e de lembrar foram prejudicadas.

De acordo com pesquisa já finalizada, os níveis de frutose podem ter bloqueado a habilidade da insulina de regular como as células usam e armazenam o açúcar.

Fonte: Jezebel, SugarBlues e LLC

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.