URFJ cria mosquitoeira contra o mosquito da dengue

garrafapet

O Instituto de Microbiologia da UFRJ desenvolveu uma nova alternativa para acabar com os focos da dengue no Rio: a mosquitoeira.
Ela é capaz de capturar os insetos e interromper o ciclo de reprodução do vetor. A novidade pode ser mais uma opção para o controle da proliferação do Aedes aegypti.

ATENÇÃO: A MOSQUITOEIRA SO DEVE SER UTILIZADA EM LOCAIS QUE O MOSQUITO ESTA EM EPIDEMIA, A CRIAÇÃO EM LUGARES ONDE A POPULAÇÃO DE MOSQUITOS NAO É GRANDE, POE IMPLICAR NA ATRAÇÃO DO MOSQUITO, O QUE SERIA PERIGOSO!!
Saúde
Quinta, 13 de março de 2008, 04h42
URFJ cria mosquitoeira contra o mosquito da dengue

O Instituto de Microbiologia da UFRJ desenvolveu uma nova alternativa para acabar com os focos da dengue no Rio: a mosquitoeira. Ela é capaz de capturar os insetos e interromper o ciclo de reprodução do vetor. A novidade pode ser mais uma opção para o controle da proliferação do Aedes aegypti.
» Leia mais notícias da agência JB
“Ela detecta que há criadouro do mosquito da dengue por perto da casa mas não significa que ela estará livre da dengue”, afirma Maulori Cabral, professor de virologia da universidade. “O sucesso do combate à doença depende da população, que deve se esforçar para eliminar os focos do mosquito”.

Na palestra realizada ontem, foi apresentada uma mosquitoeira genérica. Para construí-la são necessários os seguintes materiais: uma garrafa Pet, uma lixa de madeira, um pedaço de tecido de véu de noiva (tule), fita isolante, tesoura, anel da tampa da garrafa e alimento para a larva, que pode ser uma bola de ração para gato, três grãos de arroz ou quatro grãos de alpiste triturados.

O primeiro passo é cortar a garrafa ao meio. Depois, deve-se lixar por dentro a parte superior e cobrir o bico com o tecido micro tule, vedando-o com o anel da tampa. A base deve estar cheia de água e com um dos três alimentos, que vão dar os nutrientes necessários para o crescimento da larva. O bico deve ser submerso e as duas partes (superior e inferior) da garrafa vedadas com a fita isolante.

Como funciona
A armadilha deve ser colocada em um lugar não iluminado porque o mosquito morre quando exposto à luz.

“É a fêmea do Aedes que pica as pessoas. Ela é capaz de voar até 200 metros na sombra e pode gerar até 300 mosquitos durante seu ciclo de vida”, completa Maulori.

Não havendo nenhum foco de dengue por perto, o mosquito vai ser atraído para a armadilha. A superfície áspera faz aumentar a evaporação, atraindo assim os insetos. A fêmea deposita os ovos na parte seca. Quando chove, eles são levados para a água parada da base, viram larvas e descem pelo bico da garrafa para se alimentar. Elas vão crescendo e não mais conseguirão passar porque a única escapatória está vedada com o tule. Enquanto mosquitos, eles também não conseguem passar, porque as partes superior e inferior da garrafa estão vedadas pela fita isolante. Simples, barato e ecológico.

VEJA COMO FAZER A SUA PASSO-A-PASSO

14 Respostas

  1. wanderleia disse:

    Sou professora de Biologia. Estou ensinando os alunos da escola onde trabalho, a fazerem a mosquitoeira, vi o prof. na Ana Maria Braga.

  2. Sandra Rangel disse:

    Tenho dúvidas em relação a esta armadilha.Até onde eu sei, os ovos são colocados na parede dos recipientes.Neste caso, será que todos seriam levados para a parte inferior da armadilha ou alguns eclodiriam na parte de cima e , em seguida, liberados?
    Sandra.
    Por favor, se alguém puder me explicar…

  3. Lilian Lacerda e Souza disse:

    Sou professora do 1º seg. Ens. fund. , 4º ano, e estarei ensinando meus alunos a confeccionarem a mosquitoeira.
    Achei muito interessante, parabéns!!!
    Precisamos de idéias como esta: útil, prática e sem custo.
    (Assisti ao profº na Ana Maria Braga)
    Atc,
    Lilian

  4. Maria Cláudia disse:

    Tenho uma dúvida com relação a cofecção da mosquitoeira. Existe algum problema se for utilizado tule no lugar de micro tule? Este fato pode apresentar algum risco? Preciso de resposta urgente, pois há uma grande quantidade de crianças da vizinhança fazendo com o tule comum.

  5. balduino junior disse:

    sou prof de boiologia 1º e 2º ANO NIVEL MEDIO E ESTRAREI PROPAGANDO A IDEIA na escola nossa senhora da paz teresina piaui, invento muito importante para diminuir a proliferação , já que ainda não se tem vacina para prevençao ate mais

  6. Janaina disse:

    Quero ver a mosquitoeira pronta p/ eu entender como fica.

    grata. Abraço!

  7. Janaina disse:

    É ótima essa invenção. Preciso vê-la antes de terça à noite, pois farei um trabalho sobre a dengue com a turma nesse dia. Abraço!

  8. Agnis disse:

    olá eu gostei muito da invenção de vocês e fico adimirada em saber que tem gente que se esforça em conbater a esse moquito que mesmo pequeno mata tanta gente fico feliz em dizer que o brasil bem ou mau esta melhorando e obrigada pela dica.
    Agnis

  9. Agnis disse:

    Adorei a invenção e farei obrigada por nos ajudar em combate a Dengue

  10. joão vitor da cunha castro disse:

    vou adorar ajuda a distribuir

  11. vera disse:

    Olá

    Após reproduzir a mosquitoeira com meus alunos surgiram algumas dúvidas.
    O que acontece com o mosquito fêmea que depositou os ovos, ele morre em seguida?
    O que acontece se algum aluno tiver exagerado na quantidade de alpiste? E se não lixar a parte da garrafa, ainda há funcionalidade?

    Por favor, álguém me ajude!

    Grata

    Vera Sant´Ana

  12. Cleide disse:

    Gostaria de saber se o nível da água fica acima da telinha, ou abaixodo da mesma?
    Obrigada
    Cleide

  13. kathielili disse:

    mosquito chato!!!!!!!!!!!!!

  14. Ioshiko Nobukuni disse:

    Para ajudar no combate à dengue,plantem citronela(a essência de citronela-cymbopogom nardus, mata larvas e pupas em 3 horas, 1 colher (sopa) para 1 litro de água,( peço que façam a experiência!),manjericão,tagetes patula,usem seus derivados(desinfetantes,essências,óleos,velas,sabonetes),criem muitos predadores do aedes:aranhas mosquiteiras,lagartixas de parede,libélulas,pássaros insetívoros,peixes guppy nos reservatórios de água,sapos,além de telar caixas dágua,eliminar possíveis criadouros, usem bacillus thuringiensis,armadilhas Adultrap prende a mosquita adulta(serão 450 ovos que deixam de criar!).Não usem veneno químico, o aedes já adquiriu resistência, mas, mata seus predadores, e assim a dengue prolifera livremente.Basta analisar:onde mais se investiu com inseticidas(Pan 2007) é onde mais aumentou casos de dengue. Os predadores são consumidores vorazes do aedes, tanto na água como em terra, muito mais eficientes que qualquer medida artificial. Pesquisem para comprovar! Perfume também espanta o mosquito.Passem nas partes descobertas. Colocar uma caneca de plástico com ½ de água e 2 gotas de essência de citronela, deixe perto da cama.O cheiro permanece até o dia seguinte e o mosquito não se aproxima.
    [email protected]

    “O uso sem critério do fumacê causa impactos ao meio ambiente, provocando mortes de insetos polinizadores, tais como, abelhas, vespas e borboletas, além dos predadores naturais que exercem a função de controladores das populações de vetores”, afirmou.

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.