Você conhece “Os 5 desodorantes Naturais?”… Saiba mais

desodorante

Passam anos e anos e ainda recebemos via email como correntes que os desodorantes podem causar câncer e outros malefícios à nossa saúde. Mesmo não havendo uma prova do tal ingrediente prejudicial.

E se pretende então deixar de lado esses produtos industrializados para não, assim, arriscar a sua saúde, aqui vão 5 dicas de desodorantes naturais. Sendo assim você estará evitando o contato de suas axilas com os seguintes ingredientes: alumínio, parabeno, fragrâncias sintéticas e triclosano.

Hamamélia (hamamelis)

Se você tem a pele sensível, procure um desodorante que tenha na sua composição a hamamélis, que é conhecida por suas propriedades calmantes na pele. Ela diminui os poros das axilas e também faz com que o suor que escapar por esses poros evapore. Você ainda pode usar a hamamélia como um produto pós depilatório para assim menizar a dor da depilação.

 

Óleos essenciais

Evitando usar o artificial para se sentir bem, que tal usar óleos essenciais, que são derivados de plantas para manter as axilas perfumadas? Além do mais alguns óleos essenciais têm propriedades antibacterianas que ajudam a prevenir o odor antes que ele comece. Segue algumas dicas de essencias antibacterianas: alecrim, líquen, sálvia, capim-limão e tea tree.

 

 

Sais Minerais

Sais minerais são naturais e não irritam a pele e são geralmente encontrados em desodorantes de cristal.

 

 

 

Bicarbonato de sódio

Sabemos que o bicarbonato de sódio é ótimo para tirar cheiros desagradáveis, e com certeza você já usou para limpar a sua geladeira para tirar o mal cheiro. Então porque não usa-lo nas axilas? A composição química do bicarbonato de sódio reage com moléculas de odor até que elas fiquem neutralizadas com o impacto. Ou seja, o bicarbonato de sódio vai absorver o excesso de perspiração para que suas axilas pareçam secas.

 

Lúpulo

Os lúpulos impedem o crescimento de bactérias e quando aplicado como desodorante, o extrato de lúpulo serve como um agente antimicrobiano, então as bactérias das axilas não têm a menor chance de interagir com o suor.

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.