Nova tecnologia Dolby faz o Surround parecer brinquedo

dolbybanner

Explosões, tiros e sustos serão intensificados através de 128 canais de áudio

A mais recente tecnologia de áudio da Dolby Laboratories (*) vai fazer o sistema Surround parecer radinho de pilha. Os engenheiros da Dolby conseguiram criar uma tecnologia muito mais avançada do que qualquer outra. O nome do novo processo é Atmos. Com 128 canais de som, é possível produzir uma sensação sonora vinda de todos os lugares ao mesmo tempo, visto que o mais avançado sistema atual possui apenas oito canais.

(*) A Dolby Laboratories (Laboratórios Dolby) é uma empresa norteamericana especializada em compressão e reprodução de áudio. A marca Dolby está associada a duas aplicações diferentes: redução de ruído e som de cinema. A Dolby Labs foi fundada pelo norte americano Ray Dolby, na Grã Bretanha, em 1965. Ele mudou a empresa para os Estados Unidos (San Francisco, Califórnia) em 1976.

Ray Dolby (foto) é, hoje, membro do Forbes 400, com um patrimônio estimado de 2,7 bilhões dólares. A Forbes 400 é uma lista publicada pela revista Forbes, que fornece os nomes das 400 pessoas mais ricas dos Estados Unidos da América. Em 2007, o total das fortunas listadas era de 1,54 trilhões de dólares, e todos os membros eram bilionários, o último dos quais possuía um patrimônio no valor de 1.300 milhões de dólares.

 

Os novos recursos dessa nova tecnologia tornarão a experiência de assistir filmes ainda mais excitante. Usando uma técnica chamada renderização adaptiva, agora é possível direcionar o áudio como se ele fosse um objeto, fazendo com que determinados sons se espalhem pela sala em níveis diferenciados. Explosões deixarão você quase surdo, enquanto o som da chuva viria de cima e tiros seriam ouvidos com maior intensidade somente do lado em que está a arma, por exemplo. O som de um trovão virá somente da parte superior da sala, aumentando a sensação de espaço e integração ao filme. Os ruídos de passos serão ouvidos como se estivessem acontecendo na própria sala. Assistir um filme de terror, com simulações como estas será, sem dúvida, uma experiência inesquecível.

A nova tecnologia Atmos será inaugurada nos cinemas a custos relativamente baixos. A Dolby garante que, mesmo as salas antigas, poderão receber o novo sistema, sendo suficiente a instalação de novos alto-falantes e alguns outros ajustes. A tecnologia implica em duas mudanças básicas. Em primeiro lugar, na estrutura física, com novos alto-falantes sendo instalados no espaço da sala, tanto no meio quanto em cima e na parte de trás da sala. Na outra frente, algoritmos trabalharão o som com maior precisão, tornando-o mais próximo do áudio natural e cobrindo frequências graves e agudas com a mesma qualidade.

Para fazer uso da tecnologia, os filmes terão que ser produzidos e trabalhados em 128 canais. Mas nada impedirá que as salas com Atmos rodem filmes em 5.1 e 7.1 canais. Os filmes criados com o Atmos também rodarão em salas como as de hoje, com “modestos” 5.1 ou 7.1 canais. No futuro, a Dolby assegura que a nova tecnologia estará presente também nos home-theaters. Se você fala Inglês, assista a um vídeo descritivo no endereço abaixo:

http://www.dolby.com/us/en/professional/technology/cinema/dolby-atmos.html


2 Respostas

  1. Show!

    Cada vez mais o mundo do entretenimento em busca da perfeição, em busca de querer deixar o sureal cada vez mais real.
    Este sistema de som deve ser sensacional, pois com o 5.1 já ficamos impressionado na hora do stereo, imagine com 128.

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.