Você Está Vendo O Que Eu Estou Vendo?

12

Grilo na cuca

Por acaso você já pensou que aquele vermelho, que você enxerga no sinal de trânsito, pode parecer diferente para a pessoa que está sentada ao seu lado, no banco do carona? Claro, ela pode também chamar aquela cor de “vermelha”, mas será que ela está vendo a mesma cor que você? E se ela estiver vendo roxo e chamar o roxo de “vermelho”?

Vocês dois vão achar que estão vendo a mesma cor, porque ambos a chamam de “vermelha”. Mas, quem garante que a sensação visual da cor é idêntica? Outro dia, em outro artigo, dissemos que uma palavra não é a coisa que ela representa; a palavra é o símbolo da coisa, mas não a coisa em si mesma. O que estamos dizendo agora é precisamente uma prova disso: duas pessoas podem concordar que a cor do farol (semáforo, sinal) é “vermelha” – estarão concordando com respeito à palavra, mas podem estar vendo cores diferentes.

 

Como funciona

Acontece que as cores não são percebidas através dos nossos olhos, mas sim dos nossos cérebros. No sentido literal da palavra, a cor não existe, o que existe é luz, percebida até por moluscos que não têm cérebro. Você pode identificar cada cor, mas todas elas são interpretadas pelo seu cérebro. E a luz pode ser transformada em qualquer cor pela sua mente, como é fácil verificar com as ilusões de ótica. As cores são criações do nosso cérebro, baseadas em experiências passadas. É assim que as ilusões de ótica funcionam. Porque, quando vemos uma imagem que se relaciona com uma experiência passada, o cérebro se comporta como se a imagem da ilusão de ótica fosse igualmente real.

 

A importância das cores

A cor tem sido a essência da evolução. Basta pensar na relação entre os polinizadores e as flores ou nos diferentes animais que utilizam as cores para se camuflarem ou chamarem a atenção. Observe as cores das suas roupas: a moda, os cosméticos e os designs são baseados na cor. Isto quer dizer que foi a percepção da cor que moldou a nossa mente. Portanto, o fato incrível é que a cor, mesmo não existindo fisicamente, moldou toda a nossa cultura. É precisamente por essa relação com a cor que as pessoas se perguntam há séculos: Você está vendo o que eu estou vendo?

15 Respostas

  1. Paulo disse:

    É incrivel, eu já tinha pensado por contra propia na posibilidade da teoria “qual cor estou vendo” realmente e fascinante será que alguma pessoa ou varias não estão vendo a floresta que vejo verde como vermelha mas acham que isso é verde ? essa duvida que parece infindavel é fascinante.

  2. amanda disse:

    realmente… será que o verde escuro que eu vejo, não é um verde claro para outra pessoa!?! e as pessoas daltonicas como enxergam?

  3. Sergio disse:

    Há muitos anos eu já me indaguei sobre isso e é a primeira vez que vejo essa questão sendo levantada por outra “pessoa”. Mas achei que haveria uma “reposta” sobre a minha dúvida e isso não ocorreu. Vcs apenas compartilharam essa questão, sem sequer esboçar a resposta.
    Eu acredito que sim. Que todos nós vemos as mesmas cores, com mais ou menos intensidade, sendo que aqueles que fogem de um nível considerado normal são os daltônicos.

  4. Alexandre disse:

    Muiiito interessante, eu também já parei para pensar nisso, e a respeito da voz também já pensei, os sons..

  5. Rafael disse:

    kkkk. eu também ja tinha pensado nisso, só não divulgava por “medo” de rirem da minha cara hehehe

  6. Carlos disse:

    Isso é realmente incrivel… Podemos estar vendo cores diferentes, porem dizendo serem a mesma. Essa questao, se discutida, pode criar centenas de hipóteses a respeito desse assunto. Parabéns, adorei o artigo.

  7. Cristopher disse:

    Todos enxergamos a mesma cor, na minha opniao… a unica coisa q pode ser diferente é a intensidade… como disseram cor é luz… é a luz q o objeto reflete pois nao absorve a mesma, PRETO é quente e escuro pq absorve toda a luz… q gera calor, ao contrario do branco q reflete toda as luzes…
    como todos somos do mesmo DNA… a tendencia eh q se enchergue praticamente igual… :) heheh me enrolei todo na explicacao :/

  8. Nathália disse:

    Pensar nisso confunde meu cérebro!!! É tão estranho imaginar que o meu verde é igual ao meu vermelho pra alguém…
    Soa muito estranho.. Será que eu sou beje do jeito que eu acho que sou e pra vocês eu sou o meu verde?! kkkkkkkkkkkkk

    Gente.. isso funde a cabeça de qualquer um!!!!

  9. TELMA NEGREIROS disse:

    genteeee nao acredito que existiam mais pessoas no mundo que tivessem a mesma duvida que eu kkkkkkkkkkkkkkkkkkk eu estou realmente adimirada.. será que todos nós vemos as cores como todos veem? e a respeito dos sons eu tb ja pensei nisso demais… kkkkkkkkkk tenho uma voz boa, é tanto que gravo pra carro de som,radio e etc… mas será que o que ouço é igual pra todos? kkkkkkkkkk legal demaissssssssssss

  10. victória disse:

    Adorei a explicação!Meu pai é daltônico e bem…além de agora eu sabe que podemos ve tonalidades diferentes ele confudi cor com cor.Amo ele,porém um dia eu vi um pote vermelho e meu achou que era laranja claro?/?rsrsrsxdxdxd!

  11. Marcinha disse:

    Muito Interessante!! HA muito tempo eu ja havia pensado nisso Sozinha cheguei a comentar com amigos rsrs e mtos deles tbm ja haviam pensado tbm, mais entãOO cade a resposta conclusiva ?? rsrs eu gostei muito so site Ja esta na minha barra de favoritos mais é a primiera vez que eu comento algoo…porque realmente é bom saber que fora meus amigos #Maluquinhus existem mais pessoas que pensem como euu…..
    ;*

  12. Emerson disse:

    Fui eu que criei essa teoria, rsrsrsrs.E eu sei de mais uma.Alguém já pensou que a terra é uma célula? ela tem as mesmas camadas da celula:membrana plasmática=crosta terrestre, citoplasma=magma(ñ sei se é assim q se chama, rsrsrs) e núcleo é o núcleo.Ah e os seres humanos são as bacterias que destroem as células rsrsrsrs.

  13. victor disse:

    nossa uns dias atras eu andei pensando nisso é bom sabe q existe mais pessoas pensando assim kkkk

Deixe um Comentário

Proudly designed by Clickmidia.